medo de fazer tatuagem

Perca o medo de fazer Tatuagem: vença a insegurança e faça sua 1º Tattoo!

O medo em si

O medo faz parte da vida de todos os indivíduos, assim como a coragem. Pode ser definido como um estado emocional que surge em resposta a consciência perante uma situação de eventual perigo.

Em outras palavras, o medo surge quando nos sentimos ameaçados, seja por uma questão física ou psicológica.

O medo é um fator muito particular. Para exemplificar, uma pessoa pode sentir muito medo de altura, enquanto outra pode ficar exposto a grandes altitudes e não ter problema algum com isso.

Por isso, cada pessoa tem que lidar com os medos de uma maneira diferente.

Nós costumamos nomear o medo de várias maneiras. Preocupação, Angústia, Apreensão e Ansiedade são algumas delas.

Mas o que está por trás de todos esses termos é a mesma coisa. O medo de errar, medo de ser rejeitado, de ir além, medo da incerteza, da mudança, o medo de fazer tatuagem.

O medo as vezes pode tomar forma de vozes no nosso subconsciente dizendo coisas que desestimulam, como por exemplo: “não vai dar tempo”, “você não vai conseguir”, “você não está pronto para isso”.

Enfim, não tem como viver sem o medo, ele está inserido em nós. O nosso organismo utiliza o medo para atuar como um mecanismo de defesa.

Porém, é possível obter uma dosagem de medo, que entre em equilíbrio com a coragem e como resultado, conseguimos tomar decisões mais corretas. Muitas vezes, o ato de superar o medo gera uma satisfação tão boa que conseguimos enfrentá-lo a fim de chegar a nosso objetivo.

O medo de fazer tatuagem

Quantas vezes você já se pegou pensando em ideias de novas tatuagens que você se identifica?  Aposto que já teve um monte de dúvidas na cabeça.

“E se depois de pronto eu não gostar do desenho?”

“E quando eu ficar velho, como vai ser ter essa tatuagem?”

“Será que minha tattoo vai custar muito?”

Relaxe, essas são perguntas que todo mundo que quis fazer uma tatuagem já se questionou.

Além da insegurança pessoal e a questão do investimento necessário, o medo de fazer uma tatuagem está ligado a diversas outras razões.

O medo da dor, julgamento social e da família, o fato da tatuagem ser para sempre podem ser outros motivos que vão te fazer perder o sono antes de rabiscar a pele.

Mas se tudo isso fosse um impeditivo tão poderoso, porque será que vemos pessoas todos os dias tão satisfeitos e alegres com suas tatuagens?

O que mais é percebido pelas ruas, festas ou no trabalho, são pessoas com um estilo próprio, confiança e felizes com a tatuagem que decidiram fazer.

Isso mostra que os todos os medos acima são possíveis de contornar, e podem ser transformados em sentimentos bons que trazem satisfação e uma superação que se aproximam de quem você realmente é.

Nesse post, vamos abordar os medos que podem te fazer ficar inseguro sobre fazer a sua tatuagem. Além disso vamos refletir e te dar dicas para contorná-los e criar a coragem e vontade para fazer a sua 1ª Tattoo!

#01 Medo de fazer Tatuagem – Insegurança Pessoal

Procurar uma tatuagem que te represente tanto com um significado quanto de forma estética não é uma tarefa simples.

Pensar se o desenho que você quer vai combinar com você, se é o ideal para te representar, se vai ficar bonito na sua pele é muito normal e deve ser feito.

O problema pode ser exemplificado com um bordão: “Não dá para ficar dando murro em ponta de faca”. Em outras palavras, tudo na vida é uma questão de escolha, com a tatuagem não é diferente.

Ficar pensando demais se você se identifica com o desenho ou não de forma repetitiva não vai te ajudar a sair do lugar. Além disso, pode acabar se tornando um inimigo na sua decisão.

Para isso é preciso confiar em si mesmo, refletir e ver que a tatuagem tem um significado para você.

Não precisa ser um significado aprofundado e complexo sobre algum acontecimento da sua vida, kkkkk. Não ponha tanta pressão em você, relaxe e escolha uma coisa que você goste e pronto!

Muitas pessoas tatuam um desenho que simplesmente acham bonito, e atrelam o significado que elas desejam seja ele qual for. Como por exemplo, tatuar uma borboleta representando liberdade e viver intensamente (em média as borboletas vivem menos de 1 mês).

Seja você acima de tudo, use sua criatividade e não se preocupe muito em criar um significado complexo.

#02 Medo de fazer Tatuagem – Julgamento Social

Um dos medos mais mistificados que eu considero no processo de fazer uma tatuagem é o Julgamento Social. Mesmo se você for uma pessoa muito segura de si e dizer que não liga para o que os outros pensam, todos já passamos por esse medo, principalmente quando é a 1ª tatuagem.

“O que será que os outros vão pensar?”

“será que vão achar o desenho esquisito?”

“será que vou causar uma boa impressão?”

Essas são uma das perguntas que martelam a cabeça de muita gente.

Primeiro de tudo, se você está seguro de si e já sabe a tattoo que quer, por qualquer motivo que seja, você não deve se prender ao que você “acha” que os outros pensam.

Muitas vezes a pessoas criam um cenário na cabeça de que estão todos criticando e comentando qualquer movimento e atitude que você toma.

Eu sei que para muitos pode soar surpreendente isso. Porém para diminuir as nossas preocupações precisamos botar na cabeça que “O mundo não gira a nosso redor!”.

Podemos achar que as pessoas estão falando da gente, mas na maioria das vezes elas estão mais preocupadas com a vida delas e tudo não passa de uma projeção que criamos em nossa própria cabeça.

E se caso um ou outro estiver pensando algo ruim da sua tatuagem, porque você deveria se importar? Ela não paga as suas contas, você não deve nada para ela.

Sempre vão existir aquelas pessoas que gostam de fofocar e criticar tudo que o outro for fazer, manter as energias ruins longe de você e tentar não absorvê-las é bom para você como um todo!

Se apoie em quem você considera e siga com o que você acredita. Garanto que se for importante e fizer sentido para você, seus amigos e familiares vão te apoiar na sua decisão.

Então não se preocupe com os outros, foque mais no que você quer e acredita.

#03 Medo de fazer Tatuagem – A dor

De fato a dor da tatuagem é uma coisa que não podemos fugir. Mesmo assim, existem de pessoas que optam por fazer uma tatuagem todos os dias. Pode-se concluir então que é uma dor suportável.

Claro que existem lugares em que a tatuagem dói menos ou mais, porém não se prenda a isso. Foque no lugar que você mais curte e vá preparado para sentir umas boas pontadas.

Qualquer pessoa que você perguntar que esteja feliz com o seu resultado vai dizer a mesma coisa, “Dói , mas vale a pena”. Cada pessoa sente a dor de maneiras diferentes.

Enquanto algumas pessoas dizem não sentir nada, outras sofrem para fazer uma tattoo em certos lugares.

No fim das contas, a dor, para a maioria das pessoas que pegam gosto por se tatuar perde a relevância.

Por isso, conhecer o seu corpo, como ele reage aos rabiscos é interessante quando se opta por tatuar.

#04 Medo de fazer Tatuagem –  O investimento

O investimento tanto de tempo quanto de reservar um lugar especial na sua pele com uma tatuagem pelo resto da vida podem ser pontos chave para alguém tomar a decisão de fazer um Tattoo.

É um fato que para fazer uma tatuagem é preciso guardar uma graninha extra. E quando se trata de um desenho que vai ficar no seu corpo pelo resto da vida, não é recomendado economizar muito na hora de escolher um profissional.

Afinal o preço da tatuagem está atrelado à qualidade do profissional e dos instrumentos de serviço que ele está utilizando.

“Tatuagem é uma lembrança permanente de um sentimento temporário”

A frase acima resume bem o que motiva muitas pessoas a tatuar. Vários acontecimentos durante a vida podem marcar uma pessoa internamente de maneira muito intensa.

Em vários casos esse sentimento é tão forte que o indivíduo sente uma necessidade de externalizar esse marco em forma de tatuagem.

Seja para registrar um grande feito, desenhar algo que te represente, homenagear alguém, ou por estética, a tatuagem pode ser um meio de expressar vários sentimentos diferentes.

No final das contas vale a pena o dinheiro que você vai gastar, porque a Tattoo também vai durar para o resto da vida.

Algumas precisam de retoques ao longo de muito tempo, porém não há determinação exata de quando fazer.

Isso se deve ao fato da necessidade de retoque variar com o cuidado do tatuado podendo ficar até 25 anos em perfeito estado. Assim como em menos de um ano uma tatuagem mal cuidada pode necessitar de retoques.

Dicas para vencer o medo e fazer sua primeira Tatuagem!

1. Não tatue com qualquer um.

É importante conhecer o estúdio e que o tatuador seja de confiança. Quando queremos fazer a nossa primeira tatuagem é normal ficar ansioso e correr para o primeiro estúdio.

Mas olhe com cautela, e procure a Inker.  Podemos te ajudar com tudo 😉

2. Seja transparente com o tatuador

Depois que decidir um tatuador para fazer o seu desenho, seja bem aberto e honesto com ele. Se tem algo no desenho que você não gostou, peça para ele mudar. É super tranquilo realizar algumas mudanças para o seu desenho ficar perfeito.

Tente minimizar os erros e peça tudo que você gostaria o quanto antes, facilitando o trabalho do tatuador. O desenho ficará na sua pele para sempre. Por isso seja o mais assertivo o possível nessa parte do processo.

Não curtiu algum detalhe? Peça e ajuste.

3. Conheça o trabalho do tatuador

Veja outros trampos do seu tatuador. Assim, você pode ter certeza de que ele se enquadra no estilo de tatuagem e de desenho que você gostaria.

Peça para o tatuador o seu portfólio ou alguns trabalhos antigos!

4. Guarde aquela graninha extra

Já sabemos que não vai ser barato, mas pense um pouco, é algo que vai ficar para sempre na sua pele.

Parando para refletir um pouco, Se você pudesse dividir o valor em parcelas mensais pelo resto da sua vida, qual seria esse valor?

Se você busca por um trabalho de qualidade e um tatuador com experiência, vai ter que juntar um bom dinheiro.

E essa é a grande dica, demore o que for, junte dinheiro e tente fazer com o tatuador que você admira.

A inker tem parceria com diversos tatuadores e estúdios de confiança a um preço mais acessível e está pronto para atender você com a sua ideia de desenho!

A menos que você tenha vários amigos de confiança que botam a mão no fogo por um salão de tatuagem supostamente barato, se parece bom demais para ser verdade, provavelmente não é.

Você está alterando seu corpo para sempre. Se isso não vale um bom investimento, eu não sei o que mais valeria.

5. Comece pequeno

Depois que você fizer sua primeira tatuagem com certeza vai querer a segunda, terceira, quarta… boa sorte!

Se você é novo no mundo das tatuagens, não há vergonha em começar com uma menorzinha. Se dê uma chance de aprender o processo, como sua pele reage a tinta, e como seu corpo cicatriza.

6. Conheça sua tolerância a dor.

Tentar aguentar a dor pode ser realizado sem problemas, mas quando se trata da primeira tatuagem, é mais do que compreensível respeitar os limites do seu corpo.

Se você é muito sensível a dor, evite fazer a sua primeira tatuagem nas costelas, atrás dos joelhos, cotovelos, ou a região da virilha.

7. Escolha de forma sensata.

Tatuar o nome da sua namorada pode ser uma escolha arriscada, não importa o quanto você está loucamente apaixonado no momento.

Reflita sobre a tatuagem que você quer fazer. Pense se ela não vai se transformar em um sentimento negativo no futuro. Isso pode te ajudar a tomar uma decisão mais acertada.

8. Deixe seu rosto fora disso.

Tudo bem colocar a cara do teu gato de estimação em qualquer lugar, menos na tua cara. A menos que você seja um rapper, atleta profissional ou tatuador uma tatuagem no rosto ainda gera um pré julgamento e pode trazer problemas na sua vida profissional no futuro dependendo da área que você for escolher trabalhar.

Além disso se o seu trampo está intimamente ligado com um lifestyle que seja tranquilo ter tatuagens no rosto, aí pode mandar ver.

9. Comprometa-se.

Se comprometer a fazer a tatuagem tão sonhada é importante para que ela saia do papel.

Confirme o horário que você marcou, ponha no seu calendário, conte para geral e não dê para trás.

Muitas pessoas ficam falando em fazer uma tatuagem por anos e nunca a fazem. Se você quer, tem que fazer acontecer.

10. Não se estresse.

Existem pessoas que chegam com tanto medo da dor que podem chegar a chorar ou terem um ataque de nervos antes mesmo da agulha encostar na pele! Entrar em pânico só vai estragar uma experiência que deveria ser uma lembrança boa.

Então tome um tempo para se tranquilizar, respirando fundo e preparem-se para uma leve picada e arranhõezinhos e saiba que não é pior do que isso.

11. Leve alguém junto.

Caso você tenha algum nervosismo e insegurança, ir com algum amigo(a) pode ser bom para te acalmar. Se der, leve um amigo que já tenha sido tatuado antes (e teve uma experiência boa!).

Ter alguém para conversar, se distrair e que você confia enquanto sua Tattoo acontece vai ajudar muito. Além de tudo, é bem útil especialmente ter um amigo por perto se você estiver fazendo uma tatuagem em uma região que você não pode ver. Assim ele pode te manter informado sobre o progresso.

12. Faça perguntas.

O corpo é seu, então tome controle e peça todas as informações que você quiser. O tatuador está ali para atender todas as suas dúvidas.

Se você não sabe bem o que é a ferramenta que estão usando, ou se qualquer creme ou pomada está sendo aplicada na sua pele, não tenha medo de perguntar o que está acontecendo!

13. Siga as instruções de como cuidar.

O seu tatuador provavelmente vai te explicar como cuidar da sua tatuagem enquanto cicatriza. Se você não ficou satisfeito com as dicas dele ou dela, este guia é uma boa referência. De qualquer maneira, é importante cuidar diariamente da sua pele enquanto ela cicatriza.

14. Se você gostou, é o que importa.

É você quem vai ter que viver com ela pelo resto da sua vida. Então se você quer isso para você, se dê esse presente.

Powered by Rock Convert